Atendendo a pedidos de representantes da União Européia, a Netflix vai reduzir a qualidade do streaming de vídeo na região por 30 dias, informou a Variety. O objetivo é não sobrecarregar as redes de internet do continente durante a quarentena causada pelo coronavírus e garantir o acesso da população à internet.

Em contato com o Omelete, a plataforma de streaming afirma que pode fazer o mesmo no Brasil.

“Começamos com a Europa, dadas as preocupações relatadas pelo comissário sobre as redes europeias. Continuaremos a trabalhar com provedores de serviços de Internet e governos de todo o mundo e aplicaremos essas mudanças conforme necessário em outros lugares”, disse um representante da Netflix.

Na Europa, a taxa de bits do streaming será reduzida, o que diminuirá o uso de dados, mas vai reduzir a qualidade dos vídeos em HD. A União Européia estima que isso reduzirá o tráfego da Netflix nas redes européias em 25%.